Mulher-Maravilha: Como organizar seu tempo

Um plano de carreira ajuda - e muito - na complicada hora de se dividir entre os filhos e a profissão. Você terá objetivos claros e, conseqüentemente, recursos e ações para atingi-los. Hoje em dia, isso cabe muito mais à você, pois não dá para esperar passivamente as oportunidades que a empresa vai te oferecer. É preciso selecionar as oportunidades que tenham a ver com seu projeto profissional. Quem não tem um, corre o risco de estacionar ou ser sempre coadjuvante no projeto dos outros.Quando você tem uma meta, as prioridades pessoais - casamento, filhos - não precisam ser colocadas em segundo plano. "Dentro de um mercado de trabalho tão competitivo, tem gente que consegue se diferenciar justamente por ter esse planejamento. Morar numa cidade do interior, trabalhar meio-período, como free-lancer ou em casa, por exemplo", sugere Cristina Spera, gerente de conteúdo da empresa de Recursos Humanos Bumeran do Brasil.
Se você organizar seu tempo, conseguirá, aos poucos, conciliar a dura rotina no escritório com a preocupação de estar sempre presente na educação das crianças. Veja algumas dicas:
Se morar perto do local de trabalho, tente almoçar com seu filho;
Reserve quinze minutos do seu dia para falar com ele ao telefone;
Ao chegar em casa, pergunte como foi o dia dele. Sua demonstração de interesse e um bom bate-papo fará com que a criança se sinta protegida e valorizada;
Veja os horários de seu filho. Se ele estudar pela manhã, por exemplo, e, às 20h, já estiver com sono, o melhor a fazer é procurar um emprego no período da tarde. Dessa forma, você poderá levá-lo ao colégio, almoçar com ele e participar de suas atividades;
"Cheguei a levar trabalho para casa para aumentar meu tempo com as crianças", aconselha a analista de sistemas Célia Maria Fogagnoli, mãe de três filhos e proprietária de uma loja de fast food. Mas leve só um pouco; não adianta ficar atolada de coisas para fazer e transferir o nervoso do local de trabalho para seu lar;
"Lembre-se que toda criança é egoísta e precisa de atenção", afirma Célia. Portanto, interesse-se pela vida dela. Sempre olhe as notas do colégio, pergunte como foi a prova de hoje...
FONTE: TERRA.

Um comentário:

Jaqueline disse...

Adorei tudo que vi e li. Achei muito bom o artigo da "mulher maravilha", concordo plenamente com tudo. Gostaria de dar uma humilde sugestão. Fale mais sobre filhos, seus comportamentos, suas atitudes, como nós mães, devemos agir, ... Precisamos muito de ajuda.
Parabéns pelo blog.

Jaqueline Mello